Redação | Comercial
Acontece

“Castramóvel” chega à Capinópolis e fará atendimentos até sábado (22)

O Castramóvel iniciou os atendimentos para esterilização gratuita de cães e gatos na manhã desta quarta-feira (19) no Parque de Exposições João de Freitas Barbosa (JFB) em Capinópolis.

A equipe do projeto, formada por sete profissionais, veio de Juiz de Fora (MG) e segundo a coordenadora, Simone Krass, os profissionais farão cento e oitenta castrações até o próximo sábado (22). O vereador Daniel França, que buscou a viabilização do projeto junto ao Deputado Noraldino Júnior, acompanhou o início do trabalho da equipe do Castramóvel.

“Estou feliz com a vinda da Castramóvel à Capinópolis, pois tenho certeza que vários animais serão alcançados. Trabalho este, que trata de saúde pública e amor aos animais”, disse Daniel França.

O projeto está sendo realizado em parceria com a Associação Protetora dos Animais de Capinópolis – SPAC, que acompanham e auxiliam durante todo o processo.

Segundo Caroline Tano, uma das voluntárias fundadoras da SPAC, os animais chegam até o parque de exposições e passam por uma avaliação antes do procedimento cirúrgico. “Essa avaliação é para aferir os batimentos cardíacos e o índice de anemia”, afirma Caroline, complementando que se os batimentos cardíacos  apresentarem problemas ou o índice de anemia for elevado, os animais não podem ser submetidos à cirurgia.

Logo após o laudo de aprovação veterinária, os animais são sedados e a região que receberá a incisão cirúrgica é depilada. Segundo o veterinário Pablo, o procedimento dura entre dez e quinze minutos. “Após serem castrados, os animais recebem uma roupa especial para evitar que arranquem os pontos”, disse a coordenadora Simone Krass.

A reportagem encontrou vários animais repousando logo após serem submetidos ao procedimento cirúrgico de esterilização. Os animais estavam dentro de uma tenda montada nas instalações do parque JFB.

A psicóloga Advânia Franco Vilarinho encaminhou oito gatos para a castração, uma economia de cerca de R$4.800, segundo pesquisa feita pelo Tudo Em Dia, cada castração tem o valor aproximado de R$600 com os medicamentos inclusos.

Valéria das Graças Fontoura, levou duas cadelas que foram abandonadas na rua onde mora para castração. De acordo com Valéria, o projeto de esterilização de animais é de grande importância. “Para mim, é muito humano o que estão fazendo. Eu já havia falado [com autoridades] há algum tempo para que fosse feito algo”, disse Valéria, que complementou emocionada e com a voz embargada. “Quem solta um animal na rua é muito mal”.

Já no final da reportagem, a voluntária da SPAC Letícia Nero chegou com um belo cão para esterilização. Em uma entrevista recente, Letícia disse que a Associação Protetora dos Animais de Capinópolis surgiu em 2015 diante da necessidade de auxiliar os animais em situação de abandono.

Recentemente, o Castramóvel esteve em Uberlândia (MG) e realizou a castração de cerca de 400 animais. No segundo semestre deste ano, o projeto chegará à Ituiutaba.

A ação de castração gratuita garantirá um benefício financeiro de mais de R$100 mil à população de Capinópolis.

CLOSE
FECHAR
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.