Destaque

Paranaíba Transportes deverá continuar atuando pelo menos por mais 6 meses em Ituiutaba

O prefeito garantiu que irá buscar uma negociação com a Paranaíba, para que a mesma atue na cidade até o tempo de outra empresa assumir o transporte público em Ituiutaba. Foto: Jaqueline Barbosa

Durante a reunião que aconteceu na tarde de ontem (15), no plenário da Câmara Municipal, o prefeito de Ituiutaba, Fued José Dib, disse que pelo menos pelos próximos seis meses, a empresa que detém a concessão do transporte público da cidade, a Paranaíba Transportes, deverá continuar atuando.

O encontro foi organizado por alunos da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com o objetivo de debater o transporte público na cidade. Compareceram, além da representante dos estudantes da UFU, Bárbara Rufino e, do prefeito municipal, Fued José Did; o presidente da Câmara Municipal, Odeemes Braz (PSDB) e; a vereadora Gabriela Ceschim (PSDB) que está representando o legislativo no Grupo de Trabalho que está elaborando o Plano Municipal de Mobilidade Urbana.

A empresa Paranaíba é a única detentora do direito de atuar no transporte público da cidade há mais de 30 anos, por meio de um contrato de licitação, que é sempre renovado. Este contrato vence agora em março e, caso outra empresa não comece a atuar na cidade, ele será novamente renovado.

“O correto seria que a administração anterior tivesse feito um edital de licitação ainda no ano passado, para dar tempo de as empresas interessadas se organizarem burocraticamente e enviarem suas propostas para atuação aqui na cidade. Agora, como está muito em cima da hora, não dá tempo de fazer um edital de licitação, publicar durante 30 dias, definir a empresa vencedora, para que ela organize a vinda de sua frota de veículos, a instalação da sede administrativa e da garagem aqui na cidade”, esclareceu o prefeito Fued.

O prefeito garantiu que irá buscar uma negociação com a Paranaíba, para que a mesma atue na cidade até o tempo de outra empresa assumir o transporte público em Ituiutaba.

Diante das inúmeras reclamações dos usuários do transporte, no que diz respeito, aos atrasos; número insuficiente de linhas para atender a todos os bairros, principalmente os novos; veículos sucateadas, com elevadores para cadeirantes estragados; a reportagem do Pontal em Foco questionou o porquê de o Poder Público não ter um Departamento de Trânsito que funcione e fiscalize efetivamente a empresa, exigindo o cumprimento do contrato, aplicando multas e notificações para que a mesma se regularize.

O secretário Municipal de Obras e Serviços, Vicente de Paula Fontoura Filho, que na ocasião estava presente, se justificou afirmando que na época em que o prefeito Fued Dib esteve à frente do Executivo, em 2008, foi criado um Departamento de Trânsito e Transportes que não funcionava efetivamente com as fiscalizações e que, agora, esse departamento é o responsável por essa demanda.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top