Educação

Greve parcial da rede municipal de Ituiutaba é encerrada; cerca de 8 mil alunos estavam sem aulas

Foto: Facebook

As aulas de cerca de oito mil alunos foram retomadas nesta quarta-feira, 4, depois de 10 dias de paralisação dos professores da rede municipal de ensino em Ituiutaba. Cerca de 400 dos 600 servidores aderiram à greve que teve início no dia 26 de março.

A principal reivindicação dos grevistas é o aumento no reajuste salarial, plano de saúde, processo seletivo, o fim da aplicação da lei federal do castigo, atualização do plano de carreira e esclarecimentos do concurso público realizado na gestão anterior, em 2015.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Município de Ituiutaba – Sintemi informou que o reajuste salarial será discutido em 2019, mas que as outras reivindicações, como plano de carreira continuarão na pauta e serão definidas em futuras manifestações da categoria.

Em nota, o sindicato afirmou que “diante das circunstâncias, a categoria reunida em assembleia, em frente à Câmara, avaliou que a mobilização surtiu efeitos importantes de divulgação e sensibilização social para a compreensão deste quadro de desvalorização dos profissionais da educação e decidiu suspender a Greve Parcial e aguardar novas orientações da Diretoria do SINTEMI, para mobilizar pela luta para a atualização do nosso Plano de Carreira; a Regulamentação da Contratação Temporária em Regime Excepcional “Castigo”; Melhorias no atendimento de saúde para os Servidores; Investimentos na melhoria de infraestrutura das escolas e finalização da construção das Creches que estão paralisadas; Investimentos em material de trabalho; Programas de incentivos de Formação Continuada entre outras reivindicações.”

Professores da rede municipal irão à Câmara de Ituiutaba nesta terça-feira; veja detalhes da greve

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONTINUAR LENDO

CLOSE
FECHAR