Esportes

Apaixonada pelo Parque do Sabiá, idosa faz sucesso na zumba

Dona Maria Percília, de 77 anos, participa diariamente da ginástica dançante oferecida pela Futel

A rotina da dona de casa Maria Percília de Jesus é a mesma todos os dias. Aos 77 anos, ela calça o tênis, pega uma garrafa d’água, caminha cerca de três quarteirões, chega ao Parque do Sabiá, faz uma breve oração e participa com disposição e muita alegria da zumba ou ginástica dançante, que acontecem de segunda à sexta-feira, das 18h30 às 19h30, em uma área ao lado da portaria do bairro Tibery.

“Todo mundo me conhece aqui e recebo muito carinho. Chego e faço a atividade com muita alegria, porque a dança contribui muito para a minha saúde e bem-estar. Por isso me alimento e durmo bem e ainda estou sempre de bom humor. A dança ajuda a minha cabeça e o corpo. Ainda favorece muito porque posso fazer novas amizades”, disse dona Maria Percília.

Sobre os hits que animam as aulas dançantes no Parque do Sabiá, ela conta que não há nenhuma dificuldade de adaptação. “Tenho 77 anos, mas sou uma pessoa moderna. Gosto de todo tipo de música. Lá em casa fico com o rádio ligado o tempo todo para conhecer as canções e ensaiar as coreografias para não fazer feio aqui na aula”, contou.

“A Dona Maria é muito assídua. Faça sol ou chuva, está sempre presente na ginástica dançante. Ela é, sem dúvidas, uma figura de destaque e um exemplo a ser seguido pelos demais participantes. Quando ela não vem, realmente sentimos muito sua falta”, disse a professora de zumba da Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), Karine Fernandes.

 

Paixão pelo parque

Além de participar diariamente da ginástica dançante, dona Maria Percília conta que o Parque do Sabiá é uma extensão de sua casa. “Gosto muito daqui, onde sinto uma paz muito grande. Hoje já não faço o percurso total da pista, mas 2 ou 3 km eu consigo caminhar. Às vezes estou com muito calor em casa, me arrumo e venho para o parque me refrescar e distrair. O Parque do Sabiá é a minha paixão”, afirma.

Para toda a comunidade

Quem quiser acompanhar dona Maria nas aulas de zumba e ginástica dançante ou participar de atividades funcionais, oferecidas pela Futel, não precisa se matricular e nem se inscrever. Basta ir ao parque de segunda a sexta, sempre das 18h30 às 19h30 para aprender a dançar com os instrutores. Já o funcional acontece as terças, quintas e sextas, nos horários de 8h e 9h da manhã, na Arena Parque.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONTINUAR LENDO