Ocorrências

Incêndio de grande proporção causa estragos nas proximidades de Ipiaçu

No início da tarde do último domingo, 15, a Polícia Militar de Meio Ambiente foi acionada para atender uma ocorrência de incêndio florestal que teria se iniciado em uma propriedade rural próxima ao setor urbano de Ipiaçu.

Ao chegar ao local, os militares se depararam com um incêndio florestal em andamento, onde o fogo já havia atingido vários imóveis rurais, queimando áreas de pastagens, áreas de preservação permanente, restos de cultura de cana-de-açúcar “palhada”, entre outros.

Estão sendo feitos levantamentos para tentar identificar a autoria do incêndio florestal, bem como suas possíveis causas.

Participaram do combate ao incêndio florestal a Policia Militar de Meio Ambiente, brigadistas de empresas atuantes na propriedade e região, bem como produtores rurais confrontantes.

De acordo com as testemunhas, o incêndio florestal teria se iniciado no início da tarde de sábado, tendo sido controlado por volta das 17 horas do mesmo dia.

Contudo, no domingo por volta das 10h, o incêndio teve início novamente e devido aos fortes ventos e ao clima seco, o fogo se alastrou rapidamente atingindo várias propriedades rurais.

O incêndio florestal produziu grande quantidade fumaça e fuligem, o que causou transtornos aos moradores de Ipiaçu.

Provocar incêndio florestal é crime ambiental com previsão de pena de reclusão de 2 a 4 anos e multa, conforme artigo 41 da Lei nº 9.605/98. Além disso, o responsável está poderá ser penalizado administrativamente, além da obrigação de reparar o dano ambiental.

Mais Lidas

To Top