Ocorrências

Laudo veterinário confirma que morte de gata no Bairro Pirapitinga se deu por envenenamento

Desta vez o registro se deu na Rua Uberaba, no Bairro Pirapitinga. A gata, que morreu durante a madrugada, estava amamentando três filhotes. O caso será levado à Polícia Civil e ao Ministério Público Estadual

O médico veterinário do Centro de Controle de Zoonoses de Ituiutaba, Carlos Alves da Silva Filho, emitiu um laudo médico que confirmou a presença de partículas de veneno no trato gastro intestinal da gata que morreu no Bairro Pirapitinga, e passou por necropsia. Veja o documento abaixo.

A Polícia Militar de Meio Ambiente afirmou que com a confirmação da suspeita inicial, surge mais uma prova que vai dar sustentação para a investigação para chegar no autor do fato, o que reforça a importância do registro dos casos quando fatos semelhantes acontecem com animais.

O caso

Na manhã da última quinta-feira, 28, a Polícia Militar de Meio Ambiente em Ituiutaba, durante um atendimento de uma ocorrência na Rua Uberaba, no Bairro Pirapitinga, foram informados da morte de mais um animal (gato) por possível envenenamento.

De posse das informações, os militares foram até a residência onde em contato com a proprietária, a mesma relatou que na data na última quarta-feira, 27, sua gata que, inclusive estava amamentando três filhotes, começou a miar alto, dar espasmos musculares e vomitar, e que durante a madrugada veio a óbito.

Foto: PM de Meio Ambiente

Todas as características do comportamento do animal sugerem se tratar de uso de veneno, fato que será melhor apurado.

O animal foi encaminhado para o Centro de Controle de Zoonoses, que fará necropsia para verificar a causa da provável morte do animal. Mais uma vez é essencial o registo do fato em REDS para posterior providências, neste caso a pessoa não havia acionado, atitude que dificulta o trabalho da Polícia Militar Ambiental e os desdobramentos posteriores.

Justiça

O caso desta será enviado para a delegacia de Polícia Civil para providências, por haver indícios do uso de veneno, e também para a apuração da autoria do grave crime ambiental.

Conforme a Lei Federal 9605/98 – “Lei dos Crimes Ambientais”, praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos resulta em pena de detenção, de três meses a um ano, e multa. Incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos. A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

Denúncias podem ser feitas pelo número 181 (ligação gratuita e anônima), e em Ituiutaba também pelo número 198.

Casos semelhantes aconteceram nos últimos dias e tomaram grande repercussão frente a revolta da população.

Morte simultânea de cadela e gata intriga família de Ituiutaba; suspeita é de envenenamento

Mais animais morrem em Ituiutaba; suspeita é de que cão e gato também foram envenenados

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONTINUAR LENDO

CLOSE
FECHAR