Ocorrências

Mulher é flagrada pela PM de Meio Ambiente comercializando ilegalmente orquídea de quase 60 anos no Centro de Ituiutaba

A Polícia Militar de Meio Ambiente em Ituiutaba nesta terça-feira, 11, recebeu informação de suposta venda ilegal de orquídea silvestre e após diligências obteve êxito na apreensão de uma planta silvestre de, aproximadamente, 60 anos de idade.

A PM iniciou os rastreamentos e localizou uma mulher de 23 anos que tentava vender a orquídea em um comércio na área central de Ituiutaba. Durante a abordagem, ela foi questionada se possuía documentação ambiental para comercializar a planta silvestre, sendo negado pela autora. Ela disse ainda que retirou a orquídea na zona rural do município de Gurinhatã.

Foi lavrada autuação administrativa no valor de 950 Unidades Fiscais do Estado de Minas Gerais, que corresponde nesta data a R$ 3.413,54.

A infração também constitui crime ambiental e por se tratar de crime de menor potencial ofensivo, foi lavrado Termo de Compromisso e Comparecimento.

A orquídea é da espécie Cattleya Walkeriana e esse exemplar deve ter, aproximadamente, 60 anos de idade, segundo avaliação de um engenheiro agrônomo especialista neste tipo de planta.

O Ministério Público Estadual será informado dos fatos para que possa tomar as devidas providências.

Denúncias podem ser feitas pelo número 181 também via 198 quando em Ituiutaba.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONTINUAR LENDO