Ocorrências

PCMG confirma mais uma morte por síndrome nefroneural em Belo Horizonte

Uma força-tarefa investiga a relação das internações e mortes com o consumo da cerveja Belorizontina, da fabricante Backer (Crédito: Divulgação PCMG)

A Polícia Civil de Minas Gerais – PCMG confirmou hoje, 15, a morte de mais uma pessoa devido à síndrome nefroneural. A vítima é um homem que não teve a identidade divulgada.

O paciente morreu no Hospital Mater Dei, situado na região Centro-Sul de Belo Horizonte. O corpo deverá passar por exames e perícia no Instituto Médico Legal.

Uma força-tarefa investiga a relação das internações e mortes com o consumo da cerveja Belorizontina, da fabricante Backer. Esta é a segunda morte relacionada ao caso confirmada oficialmente pela PCMG, dentre 17 notificações de pessoas doentes.

A primeira vítima da síndrome a morrer foi Paschoal Dermatini Filho, de 55 anos. Ele estava internado em Juiz de Fora e morreu em 7 de janeiro.

Uma terceira morte ainda resta ser confirmada. Trata-se de uma mulher com sintomas da síndrome nefroneural em Pompéu, região Centro-Oeste de Minas Gerais. Este caso não constava no último balanço oficial da Secretaria Estadual de Saúde (SES), mas a Secretaria Municipal de Pompéu informou ter notificado a pasta estadual.

Com informações do Portal G1

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top