Redação | Comercial
Polícia

Operação da Polícia Civil em Ituiutaba contra tráfico e lavagem de dinheiro apreende mais de R$ 850 mil

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, deflagrou, na tarde desta quarta-feira (26), uma operação de combate ao tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. Quatro pessoas foram presas em flagrante e mais de R$ 850 mil entre dinheiro em espécie e cheques foram apreendidos, além de veículos, armas de fogo, munições, joias e drogas.

Os investigados são Marisa Gomes Vilarinho, 38 anos, Orlando silva Júnior, 23 anos, Jonathan Belisário Pimenta, 22 anos, e Higor Gomes Miranda, 18 anos.

Primeiro, os policiais civis abordaram Marisa e Orlando e com eles foi encontrado, aproximadamente, R$250 mil, acondicionados em uma bolsa. Na ocasião, o dinheiro estava um pouco molhado e cheirava a mofo. Além disso, os investigados não souberam explicar a origem do valor.

Já com as investigações em curso, a equipe tinha informações que nos imóveis dos suspeitos poderiam ser encontradas armas, drogas e dinheiro, e por meio de mandado de busca e apreensão, deferido pela Justiça, foram feitas as buscas em um condomínio fechado de Ituiutaba. No local, os policiais civis encontraram mais R$600 mil, sendo R$500.000,00 em cheques, e $55 (cinquenta e cinco dólares), além de porções de maconha, munições intactas de calibres 22, 38 e 380, e vários documentos.

Durante as diligências, a equipe policial identificou que um VW Voyage preto, veículo sempre utilizado pelos suspeitos, não estava na garagem da residência alvo da operação. Então, os policiais procederam às buscas dentro do próprio condomínio e localizaram o carro abandonado em via pública. Com as buscas, encontraram, no interior do veículo, três armas de fogo (pistolas) calibre 380, contendo três carregadores com 23 munições intactas, oito frascos de lança-perfume, quase R$15 mil em dinheiro e várias joias de alto valor.

Com a localização do veículo, bem como as armas, as drogas e as joias, os investigados Higor e Jonathan assumiram que estacionaram o veículo em via pública por descobrir que Orlando e Marisa haviam sido abordados e conduzidos à Delegacia pelos policiais civis.

Durante a operação, ainda foram apreendidos quatro veículos: um Toyota Corolla, uma caminhonete Toyota Hilux, um VW Voyage e uma motocicleta Honda Titan, todos utilizados pelos suspeitos.

Os investigados serão autuados em flagrante delito por associação criminosa, posse ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. Eles serão encaminhados para o presídio local, onde estarão à disposição da Justiça.

Ascom PCMG

CLOSE
FECHAR
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.