Redação | Comercial
Política

Prefeitura de Ituiutaba ainda não definiu quais servidores comissionados serão exonerados

O projeto de Lei CM 006/2017 foi aprovado na reunião da câmara desta semana (Foto: Adelino Júnior/Pontal em Foco)
O levantamento dos nomes será feito e cada secretário ficará encarregado de comunicar a exoneração

Os vereadores aprovaram essa semana, em segundo turno, o projeto de Lei CM 006/2017, que prevê a reestruturação administrativa da Prefeitura de Ituiutaba.

O projeto foi encaminhado pelo Executivo no mês de setembro e, desde então, vem sofrendo vistas. Com previsão de extinção de 61 cargos comissionados, o texto final prevê a adoção de contrato temporário para funções que não exijam concurso público.

Entretanto, conforme o procurador-geral do município, Alessandro Martins Oliveira, ainda não foram definidos os nomes desses servidores comissionados que serão exonerados. “Faremos o levantamento desses nomes e cada secretário ficará encarregado de comunicar a exoneração”, explicou.

Além da redução de cargos, o projeto prevê a renomeação de algumas pastas e o desmembramento de outras, o que irá originar a criação das secretarias municipais de Administração e de Trânsito.

Com a reforma, apesar de haver um impacto na folha de pagamento dos servidores, o procurador garante que é um impacto mínimo e insignificante ao logo de um ano. “Esse valor é irrisório, diante dos benefícios que a reestruturação irá trazer ao Executivo”, defendeu.

De acordo com ele, é provável que o prefeito, Fued Dib, sancione a Reforma Administrativa ainda essa semana. “Depois de sancionada, a prefeitura tem até 15 dias para informar qual será a data de implantação da reforma. Essa data ainda não foi definida e, conforme o projeto de Lei, existe um prazo de até 90 dias após a sansão para que isso aconteça”, finalizou.

O prefeito de Ituiutaba, Fued Dib, deve sancionar a Reforma Administrativa ainda nessa semana (Foto: Adelino Júnior/Pontal em Foco)

 

 

Sobre o autor

Jaqueline Barbosa

Jornalista tijucana, com formação em Comunicação Social / Habilitação em Jornalismo na Universidade de Uberaba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CLOSE
FECHAR