Saúde e Bem-estar

Vacina Pentavalente é recolhida pela Anvisa devido a interdição da vacina

Desde a publicação no Diário Oficial da União da resolução que interdita a vacina pentavalente líquida, produzida pelo laboratório indiano Biologicals E. Limited, acendeu-se a preocupação na rede pública. Em todas as cidades brasileiras, a vacina já foi recolhida e corre o risco de Postos de Saúde sofrerem com o desabastecimento com a pentavalente.

A determinação partiu da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), na segunda quinzena de julho e também suspende a importação da pentavalente. Essa vacina, na rede pública protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria haemophilus tipo B, vacinas que são recomendadas principalmente nos primeiros anos de vida.

De acordo com a resolução, publicada no Diário Oficial da União, laudos emitidos pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde obtiveram resultados insatisfatórios nos requisitos de qualidade, sendo detectada a formação de grumos em lotes do produto.

Apesar do Ministério da Saúde ter suspendido a importação da vacina do laboratório indiano, na rede privada a vacina continua sendo oferecida. Isso, porque o laboratório é diferente, assim como explica o gestor da Clínica de Vacinas Santa Clara, em Ituiutaba, Carlos Henrique Junqueira. “Algumas vacinas oferecidas na rede privada são de laboratórios diferentes. Na Clínica de Vacinas Santa Clara sempre levamos em conta os testes de qualidades realizados com os produtos. A nossa pentavalente, por exemplo, é produzida pelo laboratório GSK ou do Sanofi Pasteur, que são laboratórios estrangeiros renomados. Essa vacina previne contra a difteria, tétano, coqueluche, paralisia infantil (1, 2 e 3) e a haemophilus tipo B. Já a hexavalente, além de prevenir contra todas essas doenças, também imuniza contra a Hepatite B”, informa.

A Clínica de Vacinas Santa Clara está situada na Rua 28, nº 1232, no Centro de Ituiutaba. Os telefones para contato são os: (34) 3261-4040/(34) 3261-4747 ou WhatsApp.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top