conecte-se conosco

Cotidiano

Mega-Sena acumulada sorteia hoje prêmio de R$ 200 milhões

O sorteio do concurso 2.237 será realizado às 20h em São Paulo

Publicado

em

A Mega-Sena acumulou mais uma vez e agora pode pagar prêmio estimado em R$ 200 milhões. O sorteio das dezenas do concurso 2.237 será realizado nesta quinta-feira, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Titetê, na cidade de São Paulo.
O sorteio é aberto ao público, que pode acompanhar também nas redes sociais: no Facebook e no canal Caixa no Youtube. Esta é a 16ª vez consecutiva que o prêmio acumula, novo recorde de sequência de acumuladas para a modalidade.
O prêmio de R$ 200 milhões é o terceiro maior da história da Mega-Sena em concursos regulares, sem contar a Mega da Virada.
De acordo com a Caixa, o valor do prêmio, caso aplicado na poupança, poderia render quase R$ 518 mil todo mês. Se preferir aplicar o dinheiro em bens, o ganhador poderá comprar 40 coberturas de luxo, de 500 metros quadrados, no bairro de Copacabana, na cidade do Rio Janeiro.
As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa, em todo o país. A cartela, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

Cotidiano

Ituiutaba: confira mais participantes apoiados pelo Movimento Apoie o Comércio Local

Publicado

em

A Agência Negócio divulgou mais uma listagem das pessoas e/ou empresas que participaram do Movimento Apoie o Comércio Local. Tais empresas estão atendendo por meio de telefone/WhatsApp e via redes sociais. Os internautas podem divulgas a lista com amigos e apoiar empresas tijucanas.

Veja abaixo empreendimentos e contatos

Como funciona o Movimento Apoie o Comércio Local?

É muito simples! Basta comentar o nome da empresa, segmento e o telefone na publicação nas redes sociais Instagram e Facebook da agência, que os responsáveis irão tabular e divulgar nos perfis.

Benefícios

– Divulgação gratuita das empresas;
– Mais opções de compra;
– Ajuda o comércio local;
– Ajuda famílias que dependem deles;
– Faz a economia da cidade girar;
– Faz um bem danado à alma este ato de amor

Ituiutaba: confira participantes apoiados pelo Movimento Apoie o Comércio Local

Continue lendo

Cotidiano

MPMG e Secretaria de Fazenda criam força-tarefa para combater aumento abusivo de preços; denuncie

Publicado

em

Foto: Reprodução

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e a Secretaria de Estado de Fazenda por meio de promotores de Justiça e auditores fiscais, formaram uma força-tarefa  para apurar e combater os casos de aumento abusivo de preços de produtos como álcool em gel, luvas e máscaras em Minas Gerais.

Desde o início do período de isolamento social em virtude do combate ao corona vírus, diversas reclamações de consumidores e hospitais chegaram ao MPMG, denunciando o aumento abusivo de preços de diversas mercadorias. Dezenas de consumidores reclamam do reajuste de preços de produtos como álcool em gel, máscaras e luvas.

Além disso, hospitais e centros de saúde das redes pública e particular também denunciaram que fornecedores de materiais de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) estariam retendo estoque e aumentando os preços em mais de 300%, valendo-se da situação de urgência em saúde.

A partir dessas denúncias, a Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Belo Horizonte instaurou procedimentos administrativos para apurar os fatos e responsabilizar os responsáveis.

A Secretaria de Estado de Fazenda, também preocupada com a gravidade das denúncias e de modo a contribuir com informações da escalada dos preços, está realizando levantamentos técnicos necessários para a comprovação dos aumentos abusivos nos casos denunciados e subsidiando as ações do MPMG.

Ao final dos trabalhos, a força-tarefa pretende adotar medidas administrativas contra os empresários que tenham abusado da grave situação que acomete o país, aplicando penas que podem variar desde multas até a interdição do estabelecimento comercial. Os responsáveis ainda podem estar sujeitos à prisão de até dez anos de reclusão pela prática de crimes contra a ordem econômica.

Caso o consumidor queira fazer alguma denúncia sobre preços abusivos basta acessar a página da Ouvidoria, no portal do MPMG, clicando aqui.

Continue lendo

Cotidiano

Cartórios mantêm atendimento presencial para urgências

Publicado

em

Os atos urgentes e os que, eventualmente, não possam ser praticados remotamente deverão ser realizados pelos cartórios do Estado de Minas Gerais presencialmente.

Entre eles estão atendimentos agendados para coleta de assinaturas, devolução de documentos, entrega de certidões urgentes, pedido de desistência e cancelamento de protesto, situações que envolvam financiamentos bancários, liberação de crédito.

Essas atividades, bem como a finalização dos atos já iniciados e outros que devam ser praticados imediatamente para não gerar prejuízo ao erário ou ao usuário, foram consideradas as exceções ao trabalho remoto trazidas pela Portaria Conjunta 955, publicada no Diário do Judiciário eletrônico (DJe) desta segunda-feira, 30/3.

A portaria mantém, de forma presencial, serviços de registro civil das pessoas naturais. O atendimento deve ser feito das 9h às 12h e das 13h às 17h. Os demais serviços estão suspensos de 28 de março a 12 de abril. A suspensão anterior para todos os serviços com exceção dos de registro civil era de 19 a 27 de março.

No caso de óbitos, há destaque especial para o correto preenchimento dos dados relacionados a esses assentos, de forma a possibilitar a geração dos relatórios contendo a causa da morte, conforme disposto no art. 5º da Portaria do Conselho Nacional de Justiça.

Há recomendação de que os atendimentos eletrônicos devam “ser incrementados e adotados com preferência ao atendimento presencial, sendo que as novas solicitações, os requerimentos e a devolução de documentos devem, preferencialmente, dar-se por meio das respectivas centrais eletrônicas, ressalvada a possibilidade de assinatura presencial, nos casos imprescindíveis, de forma controlada e agendada”.

As medidas levam em consideração a pandemia pelo novo coronavírus e os riscos de contágio, mas também a necessidade de manter o atendimento de medidas urgentes.

A portaria exclui do atendimento presencial as pessoas do grupo de risco e orienta sobre medidas de higienização nas dependências dos cartórios, observando as recomendações dos órgãos competentes.

De forma excepcional, os cartórios que funcionam em hospitais por meio de unidades interligadas poderão suspender o atendimento nesses locais durante o período crítico de contágio pelo novo coronavírus.

Habilitação de casamento

A eficácia do certificado de habilitação de casamento que venha a expirar dentro dos próximos 60 dias fica prorrogada por mais 90 dias a contar da data em que se daria a expiração.

Dúvidas

Os cartórios devem manter atendimento telefônico, com esclarecimento de dúvidas, inclusive no que se refere à utilização das plataformas eletrônicas colocadas à sua disposição.

Veja o telefone dos cartórios aqui.

Continue lendo

+ lidas