Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Educação

Ituiutaba é uma das quatro cidades com mais erros na correção do Enem, diz Inep

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Estudantes que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019 em Ituiutaba, no Pontal do Triângulo Mineiro, estão entre os mais afetados com os erros nas correções da prova.

Segundo o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) , Alexandre Lopes, mais de 95% das inconsistências foram encontradas em Ituiutaba, Iturama e Viçosa, todas em Minas Gerais, e no município de Alagoinhas, no interior da Bahia.

Os demais casos foram registrados quase em todo o país, à exceção dos estados de Roraima e do Amapá.

Anúncio. Role para continuar a leitura.

Lopes repassou essa informação durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais, na tarde da última segunda-feira (20). Junto com ele, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, explicou como se deu o erro.

“O problema, basicamente, foi na hora da impressão que a máquina pulou. Então, o problema foi na impressão da prova, não foi na hora de contabilizar. A pessoa praticamente tem uma nota inteira da segunda prova negativada, a nota fica muito baixa”, destacou o ministro, ressaltando que não há casos de erros em “duas, três questões”, tampouco com a prova de redação. “Redação tem 0 de problema”, frisou.

Como o MEC garantiu que as notas já foram corrigidas, o cronograma foi mantido e, nesta terça (21), começam as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (SiSu), que utiliza a pontuação do exame. A solução pensada pelo governo para minimizar os danos com a falha na correção foi estender o prazo de inscrição no SiSu de sexta (24) até domingo (26).

Anúncio. Role para continuar a leitura.

Erros revistos

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, informou hoje (20) que os erros de correção da prova foram revistos. Segundo o Inep, as notas revisadas estão disponíveis na página do candidato.

O anúncio foi feito pelo presidente do Inep, Alexandre Lopes, no início da noite, em entrevista coletiva, para divulgar os resultados do trabalho realizado pela força-tarefa criada para resolver o problema. De acordo com Lopes, 5.974 participantes tiveram notas com inconsistências – o número representa 0,15% do total de participantes (3,9 milhões).

Lopes disse que, durante o trabalho da força-tarefa, todas as notas dos alunos que fizeram as provas foram analisadas para resolver os problemas encontrados e buscar novas inconsistências que poderiam aparecer. “Nós analisamos todos os alunos. A gente fez esses tipos de correlações para orientar a busca, para ver se a gente encontrava outras inconsistências”, explicou.

Anúncio. Role para continuar a leitura.

O presidente do Inep informou que a gráfica responsável pela prova deverá prestar esclarecimentos sobre as falhas ocorridas. “O erro estava na associação. Que tipo de erros que aconteceram na gráfica, que geraram essa diferença de associação, eu não sei dizer”, afirmou Lopes.

Anúncio. Role para continuar a leitura.
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também:

Vagas

Confira o quadro vagas de emprego disponibilizadas pelo Serviço Nacional de Emprego – SINE de Ituiutaba nesta sexta-feira, 5 de junho de 2020. Os...

Ocorrências

Nesta época do ano é comum o aumento do número de incêndios em vegetações. Na última quinta-feira, 4 de junho, o 2º Pelotão do...

Ocorrências

No início da noite desta quinta-feira (4), uma mulher foi alvejada com disparos de arma de fogo no Bairro Carlos Dias Leite, em Ituiutaba....

Cotidiano

Ituiutaba permaneceu, recentemente, sem a prestação do serviço de transporte público à população por cerca de dois meses, após o Poder Executivo ter decretado...

Anúncio