Connect with us

Hi, what are you looking for?

Educação

UFU lança programa para reduzir em 40% a retenção e evasão escolar

A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) prevê, para este ano, mais de 550 abandonos e 1,76 mil jubilamentos. As taxas de retenção e evasão são consideradas altas e, para melhorar esse cenário, a instituição lançou o Programa Institucional da Graduação Assistida (Prossiga), que é um conjunto de políticas de permanência e êxito no processo formativo dos estudantes. De acordo a diretora de ensino da UFU, Geovana Ferreira de Melo, a intenção é reduzir cerca de 40% da retenção e evasão universitária.

Advertisement. Scroll to continue reading.
O Prossiga vai custear R$ 700 mil a uma melhor qualificação pedagógica dos professores, que, em grande parte, são mais novos e, muitas vezes, têm uma formação voltada para a pesquisa e não à docência, e permitir que eles tenham alunos-destaque naquelas disciplinas para auxiliá-los nas novas atividades que devem ser desenvolvidas.
As principais matérias de retenção – que é a permanência do estudante na instituição por um tempo maior que o previsto para a conclusão do curso por reprovações – são as que envolvem cálculo no setor de Exatas e o Português, na área de Humanas, por conta da dificuldade em produzir textos acadêmicos. Já a evasão (abandono), principalmente por reprovações ou jubilamento, cujas principais razões são o Coeficiente de Rendimento Acadêmico (CRA) abaixo de 30 e mais de três reprovações na mesma matéria – é maior entre as licenciaturas, principalmente em Exatas, e as chamadas ciências duras, como as engenharias.
“Nós queremos melhorar a qualidade de ensino na instituição, implementando atividades, metodologias e práticas pedagógicas inovadoras para que os alunos tenham mais interesse e uma nova maneira de aprendizagem, que vai resultar em menos retenções e evasões”, afirmou Geovana Melo.
Para a professora e coordenadora do curso de Física Licenciatura, Alessandra Riposati Arantes, a mudança de práticas dos professores é um processo lento, mas que deve gerar muitos resultados para a instituição. “Acredito que vai fazer com que os professores revejam suas práticas pedagógicas, que melhorem e renovem os métodos. Aqueles que já estão preocupados com essa mudança com certeza vão aderir ao projeto. E isso será importantíssimo para conseguirmos melhorar o ensino e manter os estudantes interessados e progredindo”, disse.
Universidade ofertou mais de 1,1 mil vagas ociosas nos últimos editais
A evasão gera vagas ociosas na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), que são ofertadas a alunos da própria instituição ou de outras universidades, ou ainda para quem já possui uma graduação. Quando uma vaga fica ociosa por jubilamento ou morte, ela primeiro é ofertada para transferência interna. Se não for preenchida, é encaminhada então para a oportunidade de transferência externa. Se ainda assim não houver quem a ocupe, é destinada a portadores de diploma.
Nos últimos editais abertos para preenchimento das vagas ociosas da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) foram oferecidas 1.168 vagas, cujos selecionados iniciam as aulas no segundo semestre deste ano.
Universidade Federal de Uberlândia-UFU
2013
563 abandonos e 701 jubilamentos
2014
1.599 abandonos e 220 jubilamentos
2015
553 abandonos e 1.765 jubilamentos
Cursos com maior número de abandono e jubilamentos
Exatas: Cálculos, Geometria Analítica, Introdução à Computação, Física Experimental e Teórica, Química Experimental e Teórica, Bioquímica, Farmacologia e Estatística.
Humanas: Português (produção de textos acadêmicos).
FormatFactoryEducação-UFU

Geovana Melo disse que o Prossiga vai custear R$ 700 mil (Foto: Daniela Nogueira)


 

 
Correio de Uberlândia

Advertisement. Scroll to continue reading.
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também:

Educação

As aulas de graduação e pós-graduação da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) permanecerão suspensas em todos os campus por tempo indeterminado, devido à pandemia...

Educação

Nos próximos dias, gestores escolares e suas equipes deverão atualizar as informações escolares dos alunos e conhecer detalhes das atividades não presenciais que serão...

Saúde e Bem-estar

A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) recebeu na tarde da última segunda-feira (13), a comitiva do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC),...

Saúde e Bem-estar

Atendendo a uma demanda do Ministério da Saúde (MS), o Núcleo de Inovação e Avaliação Tecnológica em Saúde (Niats), da Universidade Federal de Uberlândia (UFU),...

Advertisement