Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Política

Temer toma posse em cerimônia de 10 minutos no plenário do Senado

O plenário do Congresso Nacional deu posse a Michel Temer como presidente da República na tarde desta quarta-feira (31). Ele já estava no cargo interinamente desde o afastamento de Dilma Rousseff por consequência da abertura do processo de impeachment dela, em maio deste ano.

A posse foi dada pelo presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), e marcada logo após o plenário do Senado decidir pelo impedimento de Dilma, e Temer ser notificado de que assumiria definitivamente a Presidência da República até 31 de dezembro de 2018, quando termina o mandato.

Anúncio. Role para continuar a leitura.

A cerimônia ocorreu no plenário do Senado, que estava lotado de senadores, deputados, ex-parlamentares e convidados. Após execução do Hino Nacional pela banda dos fuzileiros navais, Temer leu juramento em que se comprometeu a defender e respeitar a Constituição, e não discursou. Em seguida, foi lido o termo posse.

Estavam presentes ao lado de Temer o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, que foi bastante aplaudido pelos parlamentares presentes, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), 1º vice-presidente, Waldir Maranhão (PP-MA), Beto Mansur (PRB-SP), primeiro-secretário da mesa do Congresso e o 2º vice-presidente da mesa do Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR) e a 3ª secretária do Congresso, Mara Gabrilli (PSDB-SP). Ficou a cargo de Beto Mansur ler o termo de posse de Temer.

China 

Anúncio. Role para continuar a leitura.

O presidente Temer viaja na noite desta quarta (31) para a China, onde deve participar da reunião do G-20. Em sua ausência, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), assume a Presidência interinamente.

Histórico 

Michel Temer, de 75 anos, é jurista especializado em direito constitucional e atuou como parlamentar por cerca de 25 anos, entre mandatos assumidos como eleito e suplente. Foi presidente da Câmara dos Deputados por três vezes e foi eleito como vice-presidente junto com Dilma Rousseff em 2010 e depois reeleito em 2014.

Anúncio. Role para continuar a leitura.
Com agências – O Tempo

1 Comment

1 Comment

  1. jeisa

    agosto 31, 2016 at 9:21 pm

    SE ANTES ESTAVA MAL PENSA COMO SERA AGORA OS POBRES ESTAO LASCADO,SE A DILMA FEZ TUDO ISSO AONDE ELE ESTAVA QUE NAO IMPEDIU DE FAZER ISSO AGORA TODO MUITO E CULPADO E ELE QUE ESTAVA TAO PROXIMO DELA NAO SABIA DE NADA SAO TODOS UM BANDO DE HIPOCRITAS VAGABUNDOS LADRAO QUE SO PENSA NELES MESMO.COM UM CARGO QUE GANHA RIOS DE DINHEIRO E NAO FAZ NADA.E ORAR E PEDIR PARA QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DE NOS.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também:

Anúncio